Archive for Moda +

Pharrell Williams x Adidas Originals

Excelente notícia: depois de três outras coleções de sucesso com a Adidas, Pharrell Williams está de volta!

PWxADIDAS_Logo_OFFICIAL

 

Depois de uma viagem a Paris, mais especificamente após uma visita ao renomado Marché Saint Pierre, localizado aos pés da Sacre-Coeur, em Montmartre, ele descobriu duas belas estampas florais vintage e fez delas os pontos focais desta nova coleção cápsula, que conta com duas jaquetas e dois tênis.

Pharrell-williams-x-adidas-originals-2015-jacquard-pack-0
Fabricadas na Alemanha a partir de matérias primas europeias, as jaquetas são limitadas a 200 (!) peças. O músico mais uma vez volta sua atenção para os tênis, estampando o clássico Stan Smith assim como os seus casacos, em duas cores de floral.

O “jacquard-pack” é limitadíssimo e estará disponíveis a partir do dia 30 de maio nas lojas selecionadas Adidas Originals e no site!

Emilio Pucci x Ladurée

Sim! A tradicional marca francesa de pâtisserie firmou uma parceria de encher os olhos com a Emilio Pucci, marca italiana conhecida por seus prints únicos.

emilio-pucci-laduree-01

A Pucci traz seu inconfundível toque de cor à Ladurée, para quem desenvolveu uma edição limitada de caixinhas em duas cores: rosa coral e azul turquesa. Cada caixa, que apresenta oito macarons, está disponível em duas versões: a versão impressa tradicional e uma versão exclusiva coberto com tecidos reais!

Os macarons desta edição (que são bicolores!) também receberam um toque especial: a chef Yann Menguy criou dois sabores refrescantes – rosa e limão siciliano, e evocam a dolce vita da Riviera Italiana.

Essa não é a primeira vez que a Ladurée fecha parceria com marcas de prêt-à-porter, tanto que Nina Ricci, Lanvin, DKNY já ganharam suas versões especiais.

Fotos: Divulgação

Comme des Carrés: Hermès e Comme des Garçons

No ano passado, a fundadora da Comme des Garçons, Rei Kawakubo, se uniu a Hermès para desenvolver duas coleções especiais dos tradicionais e exclusivíssimos lenços da maison francesa.

Comme-des-carre_Hermes-ReiKawakubo_00

“Eu sempre tive imenso respeito pela tradição e know-how artesanal da Hermès”, comentou Kawakubo, que ainda adicionou sobre a parceria, chamada de Comme des Carrés: “Durante esse projeto conjunto, em vez de me guiar pela ideia de como o lenço é usado, eu me interessei pelas belas ‘obras de arte’ que os designs nos lenços da Hermès representam, e procurei mudá-los adicionando elementos. Combinando-os com imagens abstratas, nós transformamos o lenço e criamos um objeto único”.

Comme-des-carre_Hermes-ReiKawakubo_05
Comme-des-carre_Hermes-ReiKawakubo_06
Comme-des-carre_Hermes-ReiKawakubo_01
Comme-des-carre_Hermes-ReiKawakubo_03
Comme-des-carre_Hermes-ReiKawakubo_04

A primeira coleção, chamada Noir et Blanc, era composta por cinco lenços com estampas abstratas em preto e branco. Já a segunda, nomeada Couleur, contou com seis itens de cores vibrantes e elementos geométricos.

Confiram todos os modelos aqui (é só clicar para ampliar):

Texto modificado do original de Carla Valois do FFW: aqui

Imagens: Reprodução Hermès, daqui e daqui

Liberty London x William Nesfield

via Bamboo

Liberty, que surgiu em 1875 vendendo tecidos, enfeites e objetos do Japão e do Oriente, é uma das casas mais tradicionais de estamparia da capital inglesa. Seus tecidos são hoje clássicos; dos paisleys dos anos 1890 aos motivos florais do Arts and Crafts e os de inspiração japonesa característicos do Art Nouveau. A cada estação, novas ilustrações são criadas e outras encontradas no rico arquivo da marca, e reeditadas. Aos que visitam o endereço em estilo Tudor na Regent Street, onde a loja surgiu e está até hoje, é fácil perder-se na enorme variedade de estampas alegres e coloridas, selo inconfundível da Liberty.

Depois de uma pausa de 15 anos sem lançar tecidos específicos para a decoração, a Liberty voltou a apresentar, no ano passado, suas linhas especiais para casa. A segunda coleção, apelidada The Nesfield Collection, está disponível desde o último dia 25 também na loja virtual da marca, e inclui tecidos e papeis de parede com estampas coordenadas, e uma linha de tintas feita exclusivamente pela Craig & Rose.

Liberty-Nesfield_550_1

A coleção outonal busca inspiração em um dos mais influentes paisagistas britânicos do século 19, William Nesfield, responsável por equilibrar os jardins simétricos franceses, famosos no século 17, com a tradição inglesa então vigente, de paisagens mais selvagens e influência pastoril. Os desenhos, um misto de garimpos do acervo e estampas recentes, foram separados em cinco grupos de cores emprestadas das criações mais célebres de Nesfield. Entre eles, estão verdes turquesa e azuis suaves, que evocam a cascata do Castle Howard; as cores vibrantes das frutas e flores exóticas encontradas no Kew Garden; e os tons sutis de fulvo, musgo e dourado, que lembram a beleza dos parques espaçosos ingleses, com seu misto de grama e bosque. Aliado aos padrões, a qualidade da impressão Made in England, a cores vivas e os tecidos da melhor qualidade fazem da nova coleção um must have.

Liberty-Nesfield_550_2

Liberty-Nesfield_550_4

Liberty-Nesfield_550_3

Vejam mais na galeria:

Tão boa matéria que reproduzi integralmente – acesse aqui.
texto: Livia Debbané 
fotos: Divulgação

Para saber mais da Liberty:aqui

Isolda

Há algum tempo a marca Isolda vem chamando a minha atenção, muito por causa da profusão de estampas que ganharam os closets mais badalados. Imaginava que se tratava de uma marca estrangeira, mas tive uma grata surpresa ao descobrir que a Isolda possui DNA do Brasil!

Isolda_11

Alessandra Affonso Ferreira, a força criativa por trás da marca, é uma arquiteta e designer têxtil brasileira, com formação no Chelsea College Of Arts & Design de Londres. Alessandra lançou Isolda em 2011, com a assistência da sua irmã Juliana Affonso Ferreira e de Maya Pope. As irmãs, que cresceram em Salvador e também chegaram a morar rapidamente no Maranhão e no Rio de Janeiro, são filhas de pai brasileiro e mãe inglesa. O nome Isolda tem sua origem na família de Alessandra, e é uma homenagem à sua bisavó, que era carinhosamente chamada Isolda pelo seu bisavô, Tristão de Athaíde, um conhecido escritor.

Isolda_01

Alessandra, com toda essa bagagem, foi capaz de criar uma marca com identidade bastante multicultural. A estamparia chama atenção: cajus, goiabas, araras, onças, polvos e tucanos são desenhados e pintados à mão e estampados digitalmente. As referências brasileiras são claras, mas possuem um toque internacional, e agradam mulheres de diferentes nacionalidades. Agrada tanto que acaba de lançar a linha de moda praia e também para a casa!

Isolda_10

Isolda_08

Sucesso e vida longa para Isolda!

Para saber mais: aqui!
Imagens: Reprodução

As estampas de alto verão da Maria Filó

Outro dia falei – um pouco atrasada – das estampas da coleção de verão da Maria Filó, inspiradas no Brasil. A coleção de alto verão, mais recente, dá continuidade a essa homenagem! Vamos conferir?

Rio de Janeiro

Com técnica do traçado à mão, a estampa Rio de Janeiro é ao mesmo tempo moderna e muito feminina. A combinação singular de cores e a união de elementos florais com ícones do Rio, compõe uma estampa que entra em pura sintonia com a cidade.

Maria-Filo_alto-verao_1

Selva

Que gracinha a capivara, onça, tatu, bicho-preguiça e até lobo-guará escondidos ali! Animais que representam a fauna nacional estão camuflados na estampa bicolor Selva. Uma estampa inteiramente traçada à mão.

Maria-Filo_alto-verao_2

Tucanito

Composta por mini tucanos espalhados formando uma composição super cool, a estampa Tucanito mistura jovialidade e sofisticação.

Maria-Filo_alto-verao_3

Cenário

Ainda explorando o tema carioca, a estampa Cenário reúne as mais belas paisagens e representações da cidade maravilhosa de uma forma muito bonita, utilizando apenas duas cores.

Maria-Filo_alto-verao_4

Maraú

Falando agora de Bahia, a estampa Maraú é a máxima representação da tropicalidade brasileira. Cores, flores e folhagens compostas da forma mais baiana possível.

Maria-Filo_alto-verao_5

 

Créditos: Lookbook alto verão Maria Filó

 

 

As estampas da temporada da Maria Filó

O verão já está quase chegando e essa coleção foi lançada há um tempinho, mas como tudo é a cara do Brasil, vale a pena postar:

Para o Verão 2013, a Maria Filó lança a coleção Terra Adorada, que se inspira em alguns aspectos  do Brasil – algumas estampas estão aqui, com uma breve explicação sobre a homenagem:

Juta

Folhas verdes, água azul e as mais belas flores compõem a suavidade dessa estampa que mistura flores nativas a uma textura simples e rústica.

Palafitas

Como um passeio sobre o Rio Amazonas, a estampa o voo das flores pela mata até pairar em meio às palafitas da florestas.

Skyline

Gráfica e feminina, a estampa desenha em formas tigradas ícones da cidade maravilhosa.

Namorado

Um dos peixes mais conhecidos dos rios em mares brasileiros é inspiração para a estampa que traz doçura e originalidade nos tons Areia e Preto.

Tucano

Um dos ícones da floresta, a estampa traz a leveza e delicadeza desta ave misturada ao camuflado das folhas de bananeira.

Barquinho

Ícone do nosso litoral, os barcos ganham versão geométrica e uma composição harmônica de cores que nos remetem às pequenas embarcações.


Créditos: Lookbook Maria Filó Verão

Vuitton+Kusama

O genial diretor criativo da grife Louis Vuitton, Marc Jacobs, lançou mais uma coleção limitada de acessórios e roupas femininas em que a parceria moda+arte entra em cena novamente. Desta vez a marca se reinventou com a colaboração da artista japonesa Yayoi Kusama, conhecida como a princesa dos “poás” (ou “princess of the polka dots”). Kusama, hoje com 83 anos, sempre esteve a frente de seu tempo e tem como tema característico de sua obra a repetição obsessiva de padrões, entre eles, os círculos.

Para marcar o lançamento da coleção Infinitely Kusama, a grife francesa preparou uma estratégia de marketing com várias ações simultâneas, entre elas, exposições retrospectivas da obra da artista em Londres (Tate Modern) e Nova York (Whitney Museum of American Art), um site com vários vídeos contando as histórias da artista e da coleção, pop-up stores dentro das principais lojas com todos os produtos, vitrines especiais e até um aplicativo para IPhone (super legal!).

Croqui/Perspectiva do interior de uma pop-up store:

Vitrine da flagship de Nova York:

A coleção está focada nos acessórios (bolsas, sapatos, relógios, óculos, pulseiras, echarpes) estampados nas cores principais de vermelho, branco preto e amarelo. Foram criadas também algumas peças de vestuário feminina para enfatizar o look total de “poás”.

Fizemos uma seleção dos produtos que mais gostamos:

Fotos: divulgação Louis Vuitton

 

La casita de Wendy

La casita de Wendy é uma marca espanhola de Madri que desenvolve um trabalho muito especial. Por trás da marca estão Inés Aguillar e Iván Martínez, que começaram a desenhar roupas há 14 anos e atualmente estão envolvidos em variados projetos, juntamente com Brianda Fitz-James Stuart, que se incorporou a equipe há 4 anos.

Os produtos do trio se caracterizam por formas simples, pelo uso de uma seleta paleta de cores, e estampas maravilhosas, concebidas por eles (e que são cuidadosamente aplicadas em roupas e acessórios). O trabalho de La casita tem uma vertente muito lúdica e suas paixões e inspirações são a música, os contos, a natureza, a magia e a imaginação.

Os três combinam a prática de design com a docência para escolas de moda em Madri, Barcelona, A Coruña e em seu próprio atelier, onde criaram um lugar de encontro e de assessoramento para futuros designers, chamado El Estudio.

Atenção para as peças, com desenhos quase que inteiros!

Incrível!

Imagens: La casita de wendy

Para saber mais: entrem no Blog!

Vi aqui!

DVF ♥ Current/Elliott

Diane Von Furstenberg se uniu a Current/Eliott e criou uma coleção cápsula super florida, acompanhando a primavera do Hemisfério Norte. A coleção DVF ♥ Current/Elliott  consiste em uma série de peças super usáveis e alegres: jeans, shorts, saias, e o famoso wrap-dress com três estampas únicas.

A campanha mostra as peças de maneira muito simpática e Gia Copolla (tia de Sofia Copolla) é quem dirige o filminho de quatro minutos, marcado pelas belas peças, uma luz especial, um pouquinho de desfoque, certa desilusão hollywoodiana e ares de anos 60 e 70.

Para ver mais peças clique na galeria abaixo – amei o fundo também florido:

Imagens: DVF e reprodução